Inter se reúne com Sport e propõe arranjo para ficar com Rithely em definitivo

O Inter enfrentou dificuldades, entre avanços e retrocessos na negociação com o Sport, mas enfim se aproxima de uma definição para contar com Rithely, sonho antigo da diretoria. Após chegar a um acerto salarial com o atleta de 26 anos, o Colorado acena com uma proposta para selar a contratação do volante com vínculo definitivo, com duração de quatro temporadas.

De acordo com o que apurou o GloboEsporte.com, o vice de futebol colorado, Roberto Melo, se reuniu com o Gustavo Dubeux, vice do Leão, para discutir detalhes da tratativa, ainda distante de um acordo e que deve avançar até a próxima semana, já em 2018. O negócio envolve a permanência definitiva do volante Anselmo, que defendeu o Sport por empréstimo em 2017, além da saída do zagueiro Léo Ortiz, que vai por empréstimo para o clube pernambucano.

O Colorado ainda deve acenar com valores para selar a negociação. A possibilidade de a tratativa ser concretizada com o repasse de Rithely até o final da temporada, com opção de compra ao término do vínculo não está descartada.

As conversas, caso avancem, dão fim a uma série de idas e vindas nas negociações. A ideia inicial do Leão era envolver Eduardo Sasha na negociação, algo descartado logo de cara, devido a uma tratativa entre o atacante e o Fluminense. Em um segundo momento, o Sport chegou a acenar positivamente com a transferência de Anselmo e Léo Ortiz, mas passou a exigir uma compensação financeira.

Rithely terminou a temporada no banco de reservas, mas segue valorizado no mercado. Atlético-MG e Corinthians já manifestaram interesse no jogador de 26 anos. O São Paulo também sondou o jogador. Natural de São Luiz, do Maranhão, o volante está no Sport desde 2011. Já disputou 347 partidas pelo clube, com 30 gols anotados. Seu contrato expira apenas em 2022.

O volante é desejo antigo da atual direção colorada. Em 2014, o jogador chegou a começar os procedimentos de mudança do Recife a Porto Alegre, para defender o Inter por empréstimo de uma temporada, em uma negociação que envolvia a saída de Mike e Augusto ao Sport. O Leão, porém, recuou nas tratativas na última hora. À época, o presidente Marcelo Medeiros ocupava a cadeira de vice-presidente de futebol do clube, com Roberto Melo como seu diretor.

Antes de Rithely, o Colorado estudou as situações de Bruno Silva e Juninho para a posição. Fechou com Gabriel Dias, que atuou pelo Paraná na Série B, mas pertencia ao Palmeiras. Além do volante, Ruan, do Boa Esporte, e Roger, que estava no Botafogo, foram anunciados.

Fonte: globo.com